Pesquisar neste blog

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

11 Reset


     

     Seria tão bom se existisse um botão desses, que reiniciasse o nosso dia, o nosso ano ou, quem sabe, a nossa própria vida, num simples apertar...

     Bati com o carro. Tive o maior prejuízo e...
     Reset!
     Aí eu sairia de carro novamente, me estressaria novamente e, mais cedo ou mais tarde, colidiriam comigo! Novamente...

     Ou então, fui mal na prova. Não estudei o bastante...
     Reset!
     Ufa! Seriam mais horas de estudo, mais ansiedade antes da prova, mais nervosismo. E, talvez, outra nota ruim...

     Ah, mas mesmo assim esse botão seria o máximo!
     Aquele amigo que me decepcionou, que desejo apagar da minha memória, que gostaria de nunca ter conhecido. Aí sim...
     Reset!
     Depois faria novos amigos. Me envolveria... Viriam novas decepções e...

     Bom, já que é assim, sei de uma função útil para este botão:
     Aquela menina que me disse “não”, aquela com quem tinha feito planos e mais planos e, na hora decisiva, ela deu um passo atrás... Sem dúvidas...
     RESET!
     Enfim uma utilidade!
     Partiria para outra, sem nunca ter sabido o que era aquele gosto amargo. Conheceria alguém ainda melhor (segundo minha ótica). E finalmente... “Não”.

...

     Quer saber de uma coisa? Eu desisto! Cansei desse jogo. Ou melhor, cansei deste botão. Que porcaria inútil! Quero meu dinheiro de volta!
     Pelo menos quereria se tivesse pago alguma quantia por isto.
     Entretanto, há uma saída.
     Vou ficar só no Continue...


Angelus.

11 comentários:

  1. Entendo que muitas vezes brota em nós essa vontade de reiniciar tudo o que fizemos de errado, de dar um basta em todo e qualquer momento ruim. Mas sabe, a vida é tao pequena e rápida, que se fossemos voltar atras em toda situação que queremos consertar, talvez não viveríamos bem. Passaríamos horas, dias ou anos tentando preencher os nossos vazios, e tenha certeza: ainda estaríamos insatisfeitos! Portanto, vamos ficar no 'continue' e reescrever a nossa história sempre que preciso. Aprender com os erros e com os 'nãos'.
    Encantadíssima Angelus.
    Com carinho,
    Wanda.

    ResponderExcluir
  2. Angelus, muitas vezes amigos nos decepciona, mais eu não ligo, pois sei que um dias eles vão lembrar de mim, e vão me procurar.
    Amiga achei o seu blog na net e gostei dele já sou a sua seguidora, se você quiser me seguir o meu ficarei muito feliz, beijos.

    ResponderExcluir
  3. Sabe que esse botão não seria de todo tão mal assim....na minha vida, principalmente este ja teria apertado umas 100 vezes...hehe
    Mas por outro lado, tem o fato de não se clicar no "Continue" e sabe que a vida precisa muito disso, sem esse ficaríamos sempre na mesma fase do jogo.
    Adorei seu blog, estou te seguindo:
    http://odespertardumsonho.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Acho que até mesmo algo tão legal quanto esse botão teria seu lado ruim. Um preço a se pagar por voltar no tempo e consertar o que deu errado seria se privar da oportunidade de aprendizado que sempre temos quando apertamos o botão continue de nossas vidas. Muitas vezes isso até parece impossível, sabe, dá vontade de enterrar o dedo num game over (mesmo que nem exista esse botão) e acabar com tudo, desistir ou seguir outro caminho. Mas a vida é movimento e temos sempre que seguir em frente não importa o que aconteça, voltaremos mais fortes e sábios para mais um round.

    grande abraço

    ResponderExcluir
  5. INFELIZMENTE ESSE BOTÃO NÃO SALVARIA AS PESSOAS DE ADQUIRIREM EXPERIÊNCIA DE VIDA. ESSA É INEVITÁVEL E NÃO TEM RESET.

    BOM O TWXTO.

    ResponderExcluir
  6. Olá, Angelus, primeiramente quero agradecer sua visita e seu comentário. Volte sempre que desejar! Afinal, a "casa" é nossa.
    Sobre o texto, lembrei-me de uma frase do meu poeta do coração, Fernando Pessoa: Tudo vale a pena se a alma não é pequena. Essa citação é meu mantra!! Esses eventos que acontecem e nos decepcionam, com certeza colaboram para que possamos crescer. Querendo ou não, eles colaboraram para nos tornar o que somos hj. O diferencial é saber tirar algum proveito dessas situações. Bjs e excelente final de semana

    ResponderExcluir
  7. Bem bolado seu texto,Angelus, parabéns.
    Se tal botão existisse, não cometeríamos erros, assim, não aprenderíamos e seguiríamos ignorantes por toda a vida, o que faria dela uma perda de tempo e nada mais.
    É por isso que dizem que errar é humano e repetir o erro é burrice.
    Agradeço a visita ao RS e aos elogios.
    Se as pessoas gostam de ler meus escritos, significa que vale a pena escrevê-los.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  8. A mais pura vdd! ótimooo texto!

    bjuuu

    ResponderExcluir
  9. É aquela questão que acaba vindo à mente de muitos de nós: o que eu faria diferente se eu pudesse voltar? O que temos que perceber é que tanto as experiências boas como as ruins nos constróem como somos. Se não tivéssemos experiências negativas não aprenderíamos e acabaríamos... tendo experiências negativas. Isso é a vida, e é maravilhosa!

    Abraço!

    ResponderExcluir
  10. Meu amigo se existisse um reset,a nossa vida não teria graça,pois precisamos enfrentar os fatos para fortalecer a nossa personalidade.

    Muito bom o texto =).


    Acesse!

    http://mundodorrx2r4r.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Continuar é sempre a melhor escolha, com certeza. Seria legal poder reiniciar tudo, mas não aprenderíamos nada com isso, não evoluiríamos. Você explicou muito bem isso em seu texto. Gostei bastante.
    Bjo.

    http://miasodre.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Seja muito bem vindo! Sua opinião pessoal sobre o post é muito importante.